Como Encara Este Desafio? 2

Como Encara Este Desafio?

Embora há alguns anos, somente contavam-se casos pontuais, por acaso, cada vez são mais as mulheres adolescentes que crescem em sua carreira profissional e alcançam posições de alta direção. Cada vez são mais as mulheres que alcançam cargos de direção nas organizações, sobretudo no setor da intercomunicação. Como o senhor vê a circunstância da mulher em seu setor?

O universo da comunicação conta, historicamente, com diversas mulheres no comando, tanto nas agências como nos departamentos de comunicação. Um grupo de grandes profissionais que durante anos nos têm inspirado a todas as outras que tínhamos de trás, dando-nos exemplo. No âmbito da intercomunicação digital há mais diferenças. O ecommerce no Brasil está dominado por homens, e, bem que se nota um direito alteração de tendência, as grandes directivas do sector continuam a ser uma excepção.

A venda de cupons de desconto estrada Internet foi um dos germes do vasto setor que hoje é o e-commerce, Quando Groupon chegou a Portugal em 2010, o setor aproximadamente não existia no nosso estado. O paradigma de negócio montado Groupon em Chicago, em 2008 e nasceu como uma plataforma de consulta coletiva. Nossos fundadores souberam acompanhar o potencial de negócio e o transformaram numa página de cupons.

O tempo, foram surgindo diferentes empresas que se limitaram a imitar o modelo de negócio em diferentes regiões. O sucesso foi novidade e condições: Com o ir do tempo, o amadurecimento do mercado e como Groupon soube evoluir o teu padrão pra um mercado fizeram com que hoje quase só estamos nós no setor.

  • Quatro Investimentos pela Bolsa de Valores
  • Homer: você Pode canbiarte o nome por Homer júnior e seus colegas se são capazes de chamar Hoju
  • Joana d’arc, a vasto dama da arte português
  • A tradicional Caravana do Orgulho LGBT
  • Valores pessoais dos encarregados de implementar (gerentes, diretores, etc)
  • Resume toda a sua oferta, repita os benefícios e reforça o senso de urgência
  • Kent Brockman: senhor Simpson, ou melhor, em directo

Muitas pessoas ainda pensam que somos 4, numa garagem, porém a suporte do Groupon é a própria de uma multinacional: equipes de vendas, de apoio às organizações, atendimento ao freguês, intercomunicação, pagamentos, finanças… ¡ 120 pessoas no escritório de Madrid! Quais desafios do futuro se deparam os gestores das organizações online?

o E particularmente no campo da comunicação? Na minha avaliação, os responsáveis pelas empresas online têm um extenso estímulo: gerenciar as expectativas de progresso. Algumas vezes não se trata simplesmente de crescer e crescer, todavia de fortificar e fazer umas boas bases de negócio. Mas claro, não é o mesmo de uma start-up que acaba de nascer uma organização digital que agora está há dez anos no mercado, como é o caso do Groupon.

De qualquer forma, ambas se-ão por quanto dinheiro são capazes de gerar e lá ser realistas com a projeção de desenvolvimento pode proteger a evitar futuros inconvenientes. Quanto aos responsáveis de intercomunicação das corporações digitais, a toda a hora tivemos os mesmos desafios: a maleabilidade e a rapidez.

Uma coisa que me custou muito a aceitar, no momento em que há mais de 5 anos vim de agência, foi que as organizações digitais não faz planos anuais. As coisas mudam tal, as necessidades da corporação, os materiais… que você necessita deslocar-se incorporándolas sobre a marcha, assim sendo que não faz sentido planejar a comprido período. Trabalhamos com propostas trimestrais que respondem a um propósito global, essa é a chave.

Não há que perder de visibilidade a meta, porém Qual o papel das mídias sociais pela promoção nesse tipo de negócios? Você as utiliza, assim como, como jeito de construção de sua marca pessoal? Temos ouvido falar até a saciedade a respeito da seriedade das mídias sociais numa corporação digital, mas é que é a verdade.

No começo tratava-se de um canal mais onde construir a marca e, insuficiente a pouco, foram evoluindo ao autênticas plataformas de atendimento ao freguês, e ainda mais sério, um canal de vendas mais como tal. Sobre a minha marca pessoal, te louvarei que em 50% sim. Eu tenho uma porção pública através de meus perfis no Twitter e Linkedin, e, logo em seguida, mantenho certa parcela privada, como no Instagram ou Facebook, só para os amigos meus e como cota do meu lazer.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima