Espécies De Papagaios 2

Espécies De Papagaios

É endêmica da Austrália, no entanto está introduzido em novas áreas do universo. É muito comum como animal de estimação. Do periquito se foram descritas duas subespécies, o periquito do norte e do oeste, que se diferenciam entre si por pequenas variações em cor e no tamanho. Há alguns cientistas que questionam esta diferenciação, porque as diferenças são muito pequenas, e os habitats das duas subespécies coincidem de modo que há áreas onde voam as mesmas bandos e se acasalam.

Em muitas ocasiões o termo periquito ou papagaio é usado para denominar novas espécies da mesma família, como as espécies do gênero Agapornis; e até mesmo algumas espécies de papagaios de anão ou médio porte, como os loriquitos. Para diferenciá-los de todos esses é normalmente conhecido como periquito-australiano ou periquito ondulado.

A palavra budgerigar (nome com o qual é popular em inglês) parece vir do grupo aborígene australiano Kamilaroi; de uma expressão que para eles significa “interessante comida”. O periquito mede nada menos do que 19 cm da cabeça à ponta da cauda, e pesa cerca de 35 g.

A diversidade selvagem é a de cor verde, com a cabeça amarela e a fração de cima da ave. Com isso, a cor somente se vêem quando estão entre a vegetação. Se nasce um exemplar azul, albino ou violeta não viverá muito tempo, por causa de os predadores são capazes de localizá-lo com muita praticidade. Possui o bico curvado para nanico, 2 dedos para frente e dois pra trás. Isso facilita a fazer sexo pelas árvores e se alimentar de sementes. Os periquitos são uns dos poucos corações capazes de gerar fantásticas canções para se notificar (o que poderia doar origem à sua fabricação), e expressam seus sentimentos com movimentos.

  • Três Características da raça
  • Golfinho: Dolphin
  • dois Em França
  • cinco Quadro clínico
  • As fêmeas são capazes de reproduzir-se a partir das 6 semanas de idade

As fêmeas, caracterizada por um pico maior, costumam cantar melhor do que os machos. Se lhes ensina com calma e habilidade, é possível que cheguem a redizer muitas frases claro. Devido à tua natureza, o periquito poderá ser um animal de estimação maravilhoso para estreantes. Para diferenciar se um periquito é macho ou fêmea, a chave é a cera (divisão superior do bico).

Os machos têm totalmente azul, rosa ou roxa. As fêmeas têm de cor oscilante, dependendo de teu zelo: branco azulado, cor creme, puxando para o branco, marrom (este último indica que a fêmea está no cio). No mês de existência os filhotes saem do ninho com o céreo rosa. Ao longo das semanas seguintes, as fêmeas se lhes vai ficando branco e os machos azul (exceto em algumas variedades, como os inos ou piedosos recessivos, onde o macho tem rosa ou roxo por toda sua vida).

Em indivíduos adolescentes pode-se estipular o sexo os 3 meses de nascidos, sem margem de defeito. Determina-Se de lado a lado das linhas da testa, os adolescentes têm tampa e adultos, organizada, além de que os jovens apresentam uma plumagem de cor incolor. Além de um periquito jovem tem o olho bem preto, e sempre que cresce vai se construindo, a íris, que lhe deixa uma borda branca em volta da pupila preta (não obstante pela variedade pio recessivo que não desenvolve-íris). Os periquitos povoam toda a Austrália menos uma pequena faixa costeira.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima