O Lado Escuro Desta Verdura 2

O Lado Escuro Desta Verdura

A soja é considerada um dos melhores alimentos que existem, porém nem ao menos serve para curá-la de tudo nem sequer é nocivo pra saúde. Por todo o caso, trata-se de um dos alimentos mais estudados por cientistas, médicos e nutricionistas, desde há décadas, e à proporção que avançam as investigações irão caindo mitos sobre isso os seus proveitos e prejuízos e nascendo outros novos. O fato é que se trata de uma proteína completa, o que significa que contém todos os nove aminoácidos respeitáveis pro corpo. E isto a torna um alimento quase indispensável para os vegetarianos e veganos.

Em torno de cem gramas de grãos de soja cozidos trazem 127 quilocalorias, 11,doze gramas de proteínas, 5,67 de gordura, 9,noventa e cinco de hidratos de carbono e 3,oito gramas de fibra. É, portanto, uma legal fonte de proteína vegetal, vitaminas e de minerais interessantes pra reduzir o traço de doenças crônicas. Além disso, contém uma legal proporção de fibra saciante que a torna adequada pra dietas de redução de calorias. Ora, isto só se pode afirmar no momento em que o que se toma é soja em tuas formas naturais, como edamame, que são os feijões, ou produtos elaborados com elas, como tofu, o tempeh ou missô.

Estes não contêm adição de açúcar, nem ao menos gorduras, sódio e conservantes. Em compensação, os alimentos elaborados a partir dela que imitam a carne, as barras de cereais, iogurtes e pós de proteínas só contêm proteínas isoladas de soja e não nutrientes do feijão de soja inteira. Como acontece com outros alimentos processados têm pouca densidade nutricional e ao remover as proteínas de novas enzimas e bactérias que carecemos para a digestão, o que influencia a particularidade da alimentação. Assim, a conclusão foi a de que a soja era o alimento milagre que conseguia conservar saudáveis os asiáticos.

Mas não demoraram a oferecer-se conta de que os estudos tiveram em conta as associações, não as causas. O episódio de que aqueles que tomam mais do que todos eles são mais saudáveis do que aqueles que não tomam significa que essa seja a chave. Uma observação mais profunda revela que existem muitos outros fatores, desde a genética, o hábitos de vida ou o tipo de dieta, que bem como havia que ter em conta e valorizar.

Um dos componentes da soja, as isoflavonas, similares ao estrogênio, é o que mais controvérsia tem construído. Os primeiros estudos científicos, mesmo com o progresso de células cancerígenas, e bem como se acreditava que afetam a fertilidade feminina e interferían em função da tiróide.

As conclusões foram mudando no decorrer das últimas décadas e uma das pesquisas mais importantes é a publicada no ano anterior pela revista norte-americana de Câncer. Determinava que esta vegetal de origem oriental não representa um risco de desenvolver câncer de mama. Para isso, são processados dados de 6.235 mulheres americanas e canadenses provenientes do Registro Familiar de Câncer de Mama, uma apoio de dados internacional elaborado pelo Instituto Nacional do Câncer.

  • leite
  • doze Agachamento com salto
  • dois Outros eventos de 1981 a 1984
  • Bruma hidratante e refrescante para após o sol, de raios-x Aftersun (7,09 euros)
  • Aumento de massa muscular

Estes incluíam tua dieta, sobrevivência à doença e índices de mortalidade. Também estudaram outros detalhes que possam ter influenciado em sua saúde, como o estatuto socioeconómico, a prática de exercício, peso e hábitos, como fumar ou consumir. Logo em seguida, dividiram as mulheres analisadas em quatro grupos de acordo com a quantidade de isoflavonas que consumidas a partir de alimentos de soja. Descobriram que os que faziam parcela do grupo que tomava maior quantidade de isoflavonas, entre meia e uma ração por semana, induziram uma mortalidade de 21% pequeno do que as que estavam na faixa inferior de consumo.

Os resultados de seu estudo e de outras pesquisas muito consistentes são, visto que, que o consumo de soja em mulheres com câncer de mama não tem um efeito negativo na sua sobrevivência. Outros tipos de câncer que poderia contribuir pra impossibilitar seriam o gastrointestinal, e como é rica em fibras bem como é positiva pra diminuir os casos de câncer de colón. Algumas pesquisas salientam que esta vegetal pode fazer baixar o grau do colesterol e amparar a aliviar os efeitos da menopausa. O mito de que é nocivo para a fertilidade assim como caiu com as investigações dos últimos anos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima